Selo GP ANO 37 - Nº 1861
Pará de Minas 08/04/2021
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
Selo GP ANO 37 - Nº 1861
Pará de Minas 08/04/2021
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e imparcialidade, desde 84

JORNAL DEBATE SOBRE PROFISSÃO E ÉTICA

20/10/2017 | Eventos GP
JORNAL DEBATE SOBRE PROFISSÃO E ÉTICA

Esta GAZETA realizou no último dia 5, 5ª feira, o 220° Grande Papo, desta vez na Escola Estadual Manoel Batista com o tema proposto pelos próprios alunos, Profissão e Ética. Para falar sobre esse assunto, os debatedores convidados pela produção deste evento GP foram a psicóloga Nágela Caires e a analista de RH Milene Lopes. A animação musical ficou por conta do cantor Fábio Alves que animou a plateia, na abertura do evento. Após o debate, aconteceu o sempre esperado Ganha Prêmio com brindes da Plena Alimentos, Cogran e Adeel Alimentos. No fim do debate, a reportagem GP conversou com as duas debatedoras. Veja, primeiramente, o que disse, em resumo, a psicóloga Nágela Graziele de Caires Souza, 30.

“Comentamos aqui sobre a ética global e profissional no interior de cada empresa. Quando falamos da ética global, estamos falando principalmente de honestidade, educação, respeito e princípios básicos que o ser humano precisa ter. Quando falamos da ética particular, falamos da questão da missão, dos valores pessoais que cada empresa tem. O profissional que se insere e aceita estar dentro de uma empresa tem que estar de acordo com a ética profissional da empresa e a ética pessoal dele deve estar andando paralelamente com a ética da empresa para não existirem conflitos éticos entre a questão pessoal e profissional. A ética é exigida como ser humano e como profissional,” ensina a psicóloga.

REGRAS - Veja agora o que disse a analista de RH Milene Regina Lopes Gonçalves, 39. 

“A ética na profissão é muito ligada nos princípios de cada pessoa. A ética, de uma maneira geral, são as regras de convivência em sociedade que, indiretamente, está ligada aos princípios de cada pessoa. Tem muito a ver com compromisso, responsabilidade, honestidade e humildade. Essas regras que para muita gente podem parecer simples fazem a convivência no trabalho um lugar melhor,” acredita Milene.

SONHO ALTO - “A reportagem GP conversou também com o cantor Fábio Henrique Alves de Araújo, 21. 

“Desde pequeno, tinha vontade de ser cantor, mas só fui aprender a tocar violão aos treze anos e, depois disso, nunca mais parei. Com dezoito anos, surgiu em mim uma curiosidade para cantar e tocar e, graças a Deus, tem dado certo. Espero crescer cada vez mais, pegar mais experiência e chegar no patamar que eu desejo, que é estar entre os grandes. Estou com uma média de oito, nove shows por mês e quem quiser me contratar basta ligar para o 9 9943-9070, pelo instagram ou pelo facebook Fábio Alves,” conta Fábio. 

Mais da Gazeta

Exclusivo

QUEM FOI


LENIR DA CONCEIÇÃO MEDINA?
<p><p></p>

<p><b>QUEM FOI</b></p><br></p>

ADORO O GP JORNAL

“Admiro o GP Jornal, por permanecer no mercado, há tantos anos, e com a mesma qualidade das informações!”
MARIA ELIZA C. FARIA, empresária
Adoro o GP Jornal