Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1931
Pará de Minas 18/08/2022


exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

AFINAL, ONDE ESTÁ A VERDADE SOBRE O “FECHAMENTO” DA COOPARÁ?

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

WANDERCY CORREA STEIN, 85
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“A GAZETA sempre mantém a população pará-minense atualizada, com informações precisas!”
CARLOS ALBERTO DE MOURA MORATO, empresário.

Sindijori

LEI SECA TRAZ PREJUÍZOS


Alguns municípios mineiros estão radicalizando a proibição da venda de bebidas alcoólicas, impondo prejuízos a empreendedores e à população de forma geral. Há casos em que é vedada de forma completa essa comercialização, como em Araxá. Para a Fiemg - Federação das Indústrias de Minas Gerais, a medida é antijurídica e inconstitucional. O enrijecimento da medida é visto como desproporcional pela Fiemg, por trazer danos à sociedade. “O consumo dos produtos, em casa, não pode ser considerado um risco para a população”, afirma o presidente do Sindbebidas - Sindicato das Indústrias de Cerveja e Bebidas em Geral do Estado de Minas Gerais, Mário Marques. ASCOM FIEMG/MG.


Mais da Gazeta