Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1930
Pará de Minas 12/08/2022


exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

MAIS UMA VEZ, SEÇÃO GRITO POPULAR MOSTRA SUA FORÇA

exclusivo

UNIVERSO FAPAM

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

OLINDA MARIA STAIN, 81
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Credibilidade e imparcialidade em jornalismo é com a GAZETA!”
GABRIEL JOSÉ BARBOSA PALOTTI, administrador e Garra Profissional 2021 no agronegócio

Notícias Variadas

APENAS 27 CANDIDATOS ADERIRAM AO TERMO DO OSB

Se para os candidatos, eleitos ou não, o momento é de balanço da campanha eleitoral, o mesmo se pode dizer do OSB local - Observatório Social do Brasil em relação ao levantamento de sua mobilização em prol da política honesta e transparente. A campanha De Olho nas Eleições, lançada no primeiro semestre pelo sistema OSB, ganhou impulso em todos os municípios onde existem núcleos do observatório. Aberta com uma pesquisa que levantou a consciência do eleitorado sobre o papel dos homens públicos, ela passou por várias fases e terminou com a proposta de assinatura do Termo de Compromisso dos candidatos. O documento contém vários itens e foi apresentado a todos os partidos que disputaram as eleições em Pará de Minas. No que diz respeito aos candidatos a vereador, dos 283 apenas 24 aderiram à proposta, sendo que 2 estarão na próxima legislatura: TONINHO GLADSTONE E LUIZ LIMA. Já no tocante ao Termo de Compromisso direcionado aos candidatos a prefeito, 3 deles assinaram: MARCONE, MARZAGÃO e médico PAULO CÉSAR. O candidato Geraldinho Cuíca, por meio de sua assessoria, informou que se comprometia com 13 das 35 medidas. Para as demais, necessitaria de análise técnica e financeira, caso fosse eleito. O OSB também tomou conhecimento, através de relatos dos próprios candidatos a vereador, que vários presidentes de partidos não repassaram informações a eles sobre o Termo de Compromisso. Muitos souberam do assunto pela imprensa local e através das redes sociais. O número de adesões à iniciativa ficou bem aquém das expectativas do observatório, mas essa realidade não frustrou as iniciativas da entidade que mantém seu compromisso de bem representar a comunidade na observância constante do poder público. Segundo o presidente Carlos Daniel de Souza, comportamentos políticos não mudam de uma hora para outra, por isso é preciso persistência e essa característica o OSB tem de sobra. O mais importante, na visão da diretoria, é que tanto os gestores públicos como a população aprenderam a enxergar e confiar na capacidade do Observatório local, que é um dos mais conceituados do país.

Mais da Gazeta