Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1930
Pará de Minas 12/08/2022


exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

MAIS UMA VEZ, SEÇÃO GRITO POPULAR MOSTRA SUA FORÇA

exclusivo

UNIVERSO FAPAM

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

OLINDA MARIA STAIN, 81
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Credibilidade e imparcialidade em jornalismo é com a GAZETA!”
GABRIEL JOSÉ BARBOSA PALOTTI, administrador e Garra Profissional 2021 no agronegócio

Notícias

Finalmente, treinamento para desenvolver pessoas

A Attuar - Contabilidade e Análise Organizacional e a secretaria de assistência social realizarão uma Comissão Municipal de Trabalho e Renda, para treinar e desenvolver pessoas para o mercado de trabalho. As responsáveis pelo treinamento serão Andréa Teixeira, Aline Pacheco e Mileide Bento, com foco na gestão financeira, registro contábil, operações fiscais, vendas e comportamentos específicos, jurídicos e empresariais, e idiomas. O treinamento será ministrado, por meio de uma aula de noventa minutos, por semana, com duração de, no máximo, um ano. A reportagem GP conversou com a representante da Attuar, Andréa Teixeira. Veja.

“Percebo que os meus clientes procuram pessoas qualificadas para trabalhar, mas nunca encontram e como a gente faz um trabalho social através da CCL - Casa do Caminho da Luz, a gente sabe, muitas vezes, as pessoas querem e não têm oportunidade. Então, eu fiz esse treinamento piloto, em 2017, com dez pessoas, quando obtive muito resultado.Ou seja, hoje seis estão trabalhando em escritórios, na parte financeira. Desta vez, teremos cento e oitenta vagas, sendo noventa para jovens e noventa para adultos. Em um primeiro momento, faremos uma seleção dessas pessoas em situação de vulnerabilidade, que tenham cadastro no Cras, sendo que os jovens têm que ter feito o curso do Meu Primeiro Atendimento, por meio da Coordenadoria Municipal de Juventude. Depois avaliaremos o perfis e daremos início ao treinamento, em janeiro do ano que vem,” explica Andréa.

Mais da Gazeta