Realizações GP

05/11/2015 - OS 3 CS DAS DROGAS: CADEIA, CADEIRA DE RODAS OU CEMITÉRIO

Em 1989, o jornal Gazeta pará-minense pensou em desenvolver um debate cultural em Pará de Minas, voltado principalmente para os jovens. Realizado mensalmente, com exceção do período de férias escolares (janeiro, fevereiro, julho e dezembro), esse evento é apresentado pelo jornalista Bié Barbosa. Há um pequeno show, com músicos, contadores de história, atores, escritores, etc., seguido de um debate sobre um tema polêmico qualquer. No final, há sorteio de brindes para a platéia, através da sabatina ganha prêmio. Realizado sempre na última 5ª feira do mês, das 19h30min às 20h30min, para uma platéia mínima de 100 pessoas, em locais que se reciclam, anualmente.



OS 3 CS DAS DROGAS: CADEIA, CADEIRA DE RODAS OU CEMITÉRIO

OS 3 CS DAS DROGAS: CADEIA, CADEIRA DE RODAS OU CEMITÉRIO

Na noite do último 29, esta GAZETA realizou o 208° Grande Papo, desta vez no Caic, com alunos da Escola Estadual Avany Villena, contando com a participação interessada de seus alunos, diretora e professores. Os debatedores convidados pela Comissão Organizadora do Evento foram o advogado Arthur Wallace e o psicólogo Leone Mesquita. A abertura do evento ficou por conta de m.c. Savinho & Diego. No encerramento, como sempre, aconteceu o Ganha Prêmio com brindes enviados pela Algar Telecom e Plena Alimentos. Após o evento, a reportagem G.P. falou com os debatedores. Acompanhe.

“Tratar sobre o tema drogas foi muito interessante, porque é um tema muito polêmico, mas conseguimos esclarecer, até onde foi possível, sobre a questão da descriminalização das drogas, quando a plateia ficou bastante concentrada. Na verdade, não aconteceu ainda descriminalização, nem a liberação das drogas no Brasil, mas ela já deixou de ser crime. Porém, é bom observar que, apesar do usuário de drogas não ir mais para a cadeia, ele deixa de ser réu primário. Além disso, é importante alertar que existem apenas 3 consequências para quem usa drogas. São 3 Cs: cadeia, cadeira de rodas ou cemitério”, alerta Arthur.

INSATISFAÇÃO E DROGAS - “* Esse deve ter sido o 8° Grande Papo do qual eu participo e é sempre um prazer fazer parte dele, pois, de certa forma, podemos dizer aos jovens sobre o risco mais real e menos imaginário que a sociedade constrói em volta das coisas. Então, no momento em que podemos esclarecer, dentro de uma visão mais científica, podemos trazer um conhecimento que realmente possa, talvez, melhorar um pouco as coisas; * o uso de drogas deixou de ser crime, uma vez que 87% dos crimes são fundamentados, por causa do uso de drogas; * o que leva a pessoa a usar drogas é a busca de satisfação, quando ela se sente insatisfeita com a sua própria existência; * Freud em seus estudos chamou de melancolia aquilo que hoje chamamos de depressão”, explica Leone. 

Veja também


 1 2 3 4