Realizações GP

02/10/2014 - O grande vencedor do concurso Selo GP Ano 31

Procurando um selo para ilustrar a gazeta pará-minense e também com a intenção de prestigiar os artistas locais, surgiu, em 1989, o concurso anual selo GP. A cada ano, o selo vencedor vem estampado à esquerda da 1ª página do jornal, durante um ano, além de estampar as centenas de camisetas comemorativas da noite da camiseta, outro evento GP.



O grande vencedor do concurso Selo GP Ano 31

O grande vencedor do concurso Selo GP Ano 31 Na edição anterior, a GAZETA publicou os 5 selos finalistas do concurso Selo GP Ano 31, escolhidos pela Equipe GP. Depois disso, as ilustrações foram avaliadas por comissão julgadora, composta por 5 pessoas da área artística cultural da cidade que deram notas de 1 a 5 para cada um dos selos. Após a apuração, o grande vencedor do concurso foi o designer pará-minense Pedro Henrique Barboza, 30. Daqui pra frente, Pedro terá seu selo estampado em camisetas, placas luminosas e no cabeçalho da nova diagramação desta GAZETA. A reportagem GP falou com ele. Acompanhe.
“Quando fui criar o selo, fiquei em dúvida do que usar (ponto turístico da cidade). Considerei como clichê usar o Cristo e o Santuário, mas não tem como fugir, pois são 2 pontos bem conhecidos, a cara de Pará de Minas. Então, pensei em usar o Bariri, mas é difícil de ser ilustrado. No final, ao invés de fazer apenas 1 ponto, consegui usar 4: o Santuário, os arcos da Ponte Grande, o Bariri e o Cristo. Já a cor usada foi de acordo com as águas da lagoa do Bariri”, esclarece Pedro.

ÓTIMA INICIATIVA - “Eu já tinha observado os selos da GAZETA, mas não sabia como participar, nem sabia se era aberto ao público... Mas neste ano, recebi o convite no meu serviço (Publique) e achei muito interessante, pois é algo que mexe comigo, pois é uma coisa que gosto de fazer: criar. É uma ótima iniciativa da GAZETA para aqueles que gostam de desenhar e criar, e muitas das vezes não têm a oportunidade de mostrar o seu trabalho em Pará de Minas. Parabenizo a GAZETA por essa iniciativa”.

ASSINATURA DA GAZETA – “Como a minha avó é assinante, minha mãe já lia as edições antigas; ela gosta muito de ler a GAZETA. Mas agora vou ganhar uma assinatura do jornal (anual) e vou colocar em nome dela. Eu também gosto, mas, na correria do dia a dia, quase não sobra tempo para ver um site de notícias. Mas, muitas vezes, quando estou em casa e me deparo com um exemplar da GAZETA leio, por ser mais prático para me informar. A mídia digital é prática, mas nem sempre é usada, como o impresso”.

ENTUSIASMO – “Agora, quero participar sempre deste concurso da GAZETA. Para 2015, já tenho uma ideia para participar novamente. Trata-se de uma ideia que deixei de usar para o concurso deste ano, já com a intenção de usá-la no próximo ano (Selo GP Ano 32). É algo totalmente diferente dos pontos turísticos de Pará de Minas. Vamos ver o que vai sair... Agradeço muito a todos da GAZETA por isso”!

  • Os outros 4 finalistas Os outros 4 finalistas
Clique nas fotos para ampliar
Veja também